Mesa 4:
Moral, Violência e Conflito

Misse_edited.jpg
Michel Misse
“‘Cidadão de Bem’ e Sujeição Criminal: A Exclusão do
Crime da Normalidade Cidadã”

Professor permanente do Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia (PPGSA) da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Fundou e dirige o Núcleo de Estudos em Cidadania, Conflito e Violência Urbana (Necvu), da UFRJ, desde 1999. Desenvolve pesquisas na área de sociologia do crime e da violência, privilegiando os seguintes temas: comportamento desviante, drogas, criminalidade, violência urbana e controle social. Entre outros livros e artigos, é autor de Crime e violência no Brasil contemporâneo: Estudos de sociologia do crime e da violência Urbana (2006) e de Malandros, marginais e vagabundos: A acumulação social da violência no Rio de Janeiro (no prelo).

Maria Claudia Coelho 2B.jpg
Maria Claudia Coelho
“Moral, Afetos e Conflitos na Política”

Professora titular do Instituto de Ciências Sociais (ICS) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Desenvolve pesquisas na área de antropologia urbana, atuando principalmente nos seguintes temas: antropologia das emoções, percepções e representações da violência, teorias da dádiva, teorias da modernidade, idolatria e antropologia da comunicação de massa. Entre outros livros e artigos, é autora de O valor das intenções: Dádiva, emoção e identidade (2006) e Estudos sobre Interação: Textos escolhidos (2013).

LeoSá2.jpg
Leonardo Damasceno de Sá
“Moralidades Masculinistas, Racismo e a Destruição do
Vínculo de Parentesco no Ceará: A Perspectiva das
‘Mãezinhas’ das ‘Quebradas’”

Professor do Departamento de Ciências Sociais e do Programa de Pós-graduação em Sociologia (PPGS) e do Mestrado Profissional em Políticas Públicas e Gestão da Educação Superior (Poleduc), ambos da Universidade Federal do Ceará (UFC), e membro do Laboratório de Estudos da Violência (LEV) da UFC e do Núcleo de Antropologia da Política (NuAP). Seu trabalho se concentra nos estudos da violência e dos conflitos sociais . Entre outros livros e artigos, é autor de Os filhos do Estado: Auto-imagem e disciplina na formação dos oficiais da Polícia Militar do Ceará (2002) e Guerra, mundão e consideração: uma etnografia da socialidade armada em Fortaleza (2021). É pesquisador do CNPq.

CesarTeixeira_edited.jpg
César Pinheiro Teixeira
“Gramáticas da Prisão: O Cárcere como Labirinto Moral”

Professor substituto do Departamento de Sociologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e adjunto da Universidade Vila Velha (UVV) e pesquisador associado ao Núcleo de Estudos da Cidadania, Conflito e Violência Urbana (Necvu), da UFRJ, e ao Coletivo de Estudos sobre Violência e Sociabilidade (Cevis), do Instituto de Estudos Sociais e Políticos (Iesp), da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj). Desenvolve pesquisas nas áreas de sociologia da violência e da religião. Entre outros livros e artigos, é autor de A construção social do 'ex-bandido': Um estudo sobre sujeição criminal e pentecostalismo (2011) e de Matar, converter, incluir: Crime e subjetividade no Rio de Janeiro (no prelo)